Criar uma cultura organizacional focada no desenvolvimento e na capacitação dos colaboradores é importante para gerar oportunidades e alcançar melhores resultados em um mercado no qual as mudanças nas demandas e nos hábitos de consumo são constantes. Nesse sentido, vale a pena investir no Lifelong Learning.

Essa metodologia consiste em aprendizado ao longo da vida ou educação continuada que busca promover de forma voluntária e frequente o crescimento profissional e pessoal dos funcionários, por meio dos mais variados tipos de aprendizagem.

Quer entender as vantagens dessa prática, seus pilares e como aplicá-la na empresa? Então, continue a leitura!

Qual a importância do Lifelong Learning na educação corporativa?

A aplicação desse método na educação corporativa pode proporcionar uma série de vantagens. Veja as principais!

Diferencial competitivo

Adquirir novos conhecimentos é uma forma de agregar valor aos colaboradores. Sendo assim, a maneira como se relacionam com os novos conteúdos e como conseguem colocar em ação pode gerar mudanças significativas, capazes de garantir diferencial competitivo tanto para eles próprios como para a empresa.

Desenvolvimento de competências

O maior aprendizado faz com que os colaboradores desenvolvam novas competências. Assim, eles trazem novas soluções e ideias para o trabalho, já que estão atualizados sobre as tendências e práticas do mercado. Além dos ganhos para a empresa, o funcionário se sentirá mais valorizado, engajado e produtivo, o que vai levar a resultados incríveis.

Início a qualquer hora

Pelo fato de a finalidade do Lifelong Learning ser promover um aprendizado contínuo ao longo da vida, pode ser aplicado a todos os tipos de pessoas, independentemente da idade. Em um mercado volátil e imprevisível, nunca é tarde para buscar desenvolvimento e atualização.

Evolução no dia a dia

A partir do momento em que a empresa disponibiliza treinamentos e atividades de aprendizado e capacitação profissional, os funcionários ficam mais preparados e evoluídos para solucionarem problemas que fazem parte do dia a dia.

Quais são os pilares do Lifelong Learning?

Essa prática tem como base quatro pilares. São eles:

  • aprender a conhecer: é preciso reter o aprendizado obtido e, para isso, o funcionário deve se interessar pelo tema;
  • aprender a fazer: apesar de a teoria ser essencial para o processo de conhecimento, é por meio da prática que o profissional vai executar o que aprendeu, até que os novos entendimentos se tornem um hábito;
  • aprender a conviver: os indivíduos têm muito a conhecer uns com os outros e, por esse motivo, saber se relacionar é um ponto relevante;
  • aprender a ser: o colaborador agrega valor à empresa quando tem autonomia para aprender novos conceitos, então é preciso estimular essa prática.

Como aplicar esse conceito na educação corporativa?

Algumas medidas podem ser implementadas para a aplicação eficiente dessa metodologia na empresa. Confira!

Crie metas

Para acompanhar o desenvolvimento de cada funcionário, é preciso criar metas. Elas podem estar diretamente ligadas com suas funções, mas também devem abranger o estímulo à obtenção de novas habilidades.

Ofereça diferentes formatos de treinamento

Pelo fato de cada indivíduo consumir informações de formas diferentes, disponibilizar vários formatos de treinamento é importante para o desenvolvimento, como vídeos, textos, animações, áudios, conferências, entre outros.

Simplifique a transmissão de conhecimento

Uma ideia é contar com a tecnologia para tornar mais simples a transmissão de conhecimento para os funcionários. Por meio de uma plataforma específica de ensino a distância, é possível estruturar treinamentos e demais ações de capacitação em formato digital. Isso possibilita que as pessoas acessem os conteúdos no horário que for melhor para elas, o que aumenta as chances de aproveitamento e retenção dos materiais.

Agora que você entende melhor como funciona o Lifelong Learning, por que não aplicá-lo o quanto antes na empresa? Assim, fica mais fácil alcançar um desenvolvimento eficaz e flexível, capaz de preparar os colaboradores para quaisquer mudanças do mercado.

Achou este conteúdo interessante? Então, aproveite sua visita ao blog e fique por dentro das tendências na educação corporativa em 2021!