Desenvolver habilidade de negociação é uma excelente estratégia para as empresas que buscam diferenciar-se e aumentar sua competitividade no mercado, alcançando resultados incríveis. Isso porque, ao contar com colaboradores bem informados e preparados, fica mais fácil fechar bons negócios, fortalecer as relações com terceiros e, dessa forma, atingir os objetivos propostos.

Mas você sabe como desenvolver as habilidades de negociação da equipe? Leia este artigo e veja as vantagens de contar com treinamentos eficientes!

Quais são as habilidades necessárias para realizar boas negociações?

Existem algumas habilidades e competências que são essenciais para o sucesso de qualquer negociação. Veja, a seguir, algumas delas!

Oratória

Ter uma oratória vai garantir que o seu discurso conquiste maior ênfase, o que evita falhas na comunicação e mal-entendidos, assegurando uma compreensão precisa das informações repassadas. Além disso, promove firmeza e gera expressões e entonações adequadas a cada tipo de discurso, proporcionando atração e facilidade de absorção do ouvinte.

Jogo de cintura

Qualquer coisa pode ocorrer ao longo de uma negociação. Por esse motivo, para fazer bons negócios, é necessário ter o jogo de cintura apropriado para encontrar diversos tipos de soluções de acordo com o cenário vivenciado. Dessa forma, focar somente no intuito final da negociação, sem considerar os desafios, pode influenciar na busca pelos melhores acordos.

Além disso, prezar por uma boa relação com os envolvidos na negociação ajuda a promover um cenário mais positivo e propenso a negociações benéficas e satisfatórias para ambas partes.

Boa argumentação

Ao iniciar uma negociação, a maneira como o ponto de vista será defendido vai gerar impactos que vão desenrolar-se durante todo o processo. Então, é preciso construir uma argumentação que gere convicção e com fundamentos fortes. Para isso, busque pesquisar sobre o assunto e elabore um planejamento para que suas ideias recebam a atenção do ouvinte. Também tente conhecer o perfil da empresa ou a pessoa com quem vai negociar, para encontrar pensamentos e desejos em comum.

Escuta ativa

Outra habilidade que um bom negociador deve ter é a capacidade de ouvir o outro. Isso porque quem se encontra do outro lado apresenta reações positivas e negativas e, também, faz comentários úteis durante a conversa. Essa escuta ativa engloba a capacidade de entender a linguagem corporal e a comunicação verbal da outra parte. Por isso, no decorrer da negociação, é interessante estar atento a tudo que o negociador expressa, para entender em quais situações alinhar com seus argumentos.

Como os treinamentos podem ajudar no desenvolvimento e aprimoramento das habilidades de negociação?

Por meio de treinamento e métodos efetivos, é possível conquistar o desenvolvimento e aperfeiçoamento de competências essenciais para o alcance dos resultados esperados em uma negociação. Entenda as suas principais vantagens.

Desenvolve a confiança

Desenvolvendo um treinamento efetivo, o colaborador vai entender melhor o funcionamento do processo de negociação, desde o início do projeto até o fechamento do negócio. Ao identificar vários fatores dessa trajetória, é possível ganhar a confiança adequada e que vai gerar uma capacidade de negociação eficaz.

Proporciona a capacidade de compreensão

Nesse caso, o colaborador desenvolve a capacidade de prever as ações de pessoas em cenários competitivos. Durante a negociação, é preciso saber explorar o intuito da negociação, aprender a respeito das características de um negócio positivo e compreender como as expectativas norteiam o comportamento dos indivíduos.

Gera a aptidão em mensurar custos e vantagens de ações diversas

Outro ponto relevante é compreender por quais motivos os indivíduos não negociam, qual é o momento de desistir de uma negociação e quais são os prejuízos de não negociar pode causar. Por meio do treinamento adequado, é possível explorar esses aspectos e entender como começar negociações que podem agregar valor por meio das interações do dia a dia e os impactos que elas podem causar no âmbito financeiro em geral.

Estabelece uma relação respeitosa entre a equipe

Para se tornar um profissional de sucesso, é fundamental conquistar o respeito dos membros do time e demais envolvidos no processo de negociação. Ao desenvolver as habilidades necessárias, o funcionário consegue criar uma impressão consistente de que tem capacidade de fazer bons negócios no ambiente corporativo.

Em muitos casos, pode ser difícil eliminar o perfil intimidador na negociação, mas o time precisa entender que é melhor encontrar com esses desafios a curto prazo do que ser entendido como um indivíduo que pode ser influenciado de maneira simples. Aprender a dosar as competências de negociação de forma certa não é uma tarefa tão fácil assim, mas um treinamento eficiente vai contribuir bastante para que isso possa ser desenvolvido.

Aumenta a eficiência

O tempo é um ponto importante em qualquer organização. Por isso, ele não pode ser discutido como algo que pode ser resolvido rapidamente. Por intermédio das boas habilidades de negociação, torna-se mais simples solucionar, de maneira ágil, controvérsias com menos esforços que um argumento preciso exigiria.

Nesse caso, é possível ensinar os colaboradores a identificar soluções para problemas complicados, melhores meios para se chegar a um acordo e como continuar um negócio sem afetar a relação com as demais partes, tendo em vista que isso vai contribuir para o alcance de metas importantes para a empresa e a própria equipe.

Auxilia a criação de situações vantajosos para todos

É importante que o funcionário entenda que uma boa negociação não representa somente ganhar de outra pessoa envolvida por meio de um debate. Ao contrário disso, um bom negociador vai entender como elaborar cenários benefícios, em que todos os envolvidos ficarão satisfeitos com os resultados.

Promove a inteligência emocional

Para entrar em uma negociação, principalmente naquelas mais difíceis, é imprescindível saber manter a calma e estabelecer a confiança ao longo de todo o processo. Ao invés de gastar tempo pensando se vai conseguir fechar bons negócios, o treinamento precisa preparar o funcionário para se manter argumentativo e preparado com todo o conhecimento necessário para lidar com a situação da melhor forma possível, já que essa prática também vai colaborar para o atingimento das metas e dos objetivos esperados.

Como pôde perceber, desenvolver as habilidades de negociação é um processo fundamental para os resultados da empresa. Para isso, contar com um bom treinamento, capaz de preparar a equipe para esse tipo de situação, é essencial. Pelo fato de existirem diversas metodologias disponíveis no mercado, o ideal é avaliar as principais necessidades da organização e os perfis dos funcionários para, dessa forma, elaborar uma estratégia assertiva e capaz de desenvolver essas competências.

Achou este conteúdo interessante? Então, aproveite para fazer uma nova leitura — “Veja como escolher a plataforma de treinamento ideal para a empresa” — e esclareça as suas dúvidas sobre o assunto!


Realize a gestão de pessoas de forma fácil e integrada​
imagem-performa-01